O fio da teia da aranha

Esta história me foi contado por Gerardo Pereira, uma das tantas histórias que ele me contava
para me fazer adormecer quando eu era pequeno. Reconto-a aqui em sua memória, certamente não
da forma amiga e emocionante como tantas a ouvi contar para adormecer e aprender para a vida.

 

O fio da téia de aranha

Contada por Gerardo Pereira

Numa certa ocasião ocorreu um grande terremoto e um grupo de pessoas se viu repentinamente
preso num grande buraco. Por sorte todos vivos, mas estavam prisioneiros porque as
paredes do grande buraco eram praticamente impossíveis de serem escaladas.

Alguns tentaram escalar o grande paredão que a todos mantinha prisioneiros, mas há poucos
metro de altura caiam. Passaram-se alguns dias, e não morreram porque parte do solo havia
afundado e com ele haviam árvores frutos de onde puderam se alimentar, mas a situação
estava se tornando mais e mais grave porque o alimento já começava a escacear e não havia água.

Numa manhã, depois de darem voltas e volta na busca de um ponto por onde pudessem escalar
o alto paredão, um deles observa um fio, um fio de teia de aranha e curioso pegou para puxá-lo
descobrindo que era mais forte do esperava e assim tentou subir pelo fio, e estava conseguindo
quando observou que outros vinham seguindo o seu exemplo e também estavam escalando o
paredão pelo fio de aranha. Sua reação foi de ira e reclamou que soltassem o fio de aranha
que o fio lhe pertencia, havia sido ele quem o havia descoberto.

Neste momento o fio de aranha que era forte o suficiente para que ele conseguisse subir para
a liberdade, não mais aguentou o peso, não dos outros que também estavam subindo, mas o peso
do egoismo e rebentou.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s