CCJ do Senado aprova proibição de doação de empresas a campanhas eleitorais

A Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) do Senado aprovou nesta quarta-feira, projeto de lei que proíbe doações de empresas a candidatos e partidos políticos. Se não houver recurso para votação pelo Plenário do Senado, o projeto segue à Câmara dos Deputados.

O projeto original pretendia proibir apenas a doação por empresas com dirigentes condenados em instância final da Justiça por corrupção ativa, com a chamada “Ficha Suja”. Mas foi aprovado hoje um substitutivo apresentado pelo relator, senador Roberto Requião (PMDB-PR), que altera dispositivos da Lei das Eleições. O projeto anterior, antes do substitutivo, pretendia apenas estender aos doadores de campanha as limitações já impostas aos candidatos pela Lei da Ficha Limpa.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s