Pois é, então é Alemanha que deve à Grécia, a Portugal…

PELO QUE CONSTA A GRÉCIA, PORTUGAL E OUTROS PAÍSES, DEVEM – DE IMEDIATO – COMEÇAR A EXIGIR OS PAGAMENTOS DAS DÍVIDAS DA ALEMANHA – afinal, a grande caloteira…

Brasilino Godinho

Mais de registar: A Alemanha de Angela Merkel está-se nas tintas para a sua imagem de má pagadora ou de má aluna da sua própria doutrina de exportação: de rigorosa austeridade e de destruição dos tecidos sociais e económicos dos países da periferia sul da Europa. Doutrina que impõe com a escandalosa conivência servil de Passos Coelho, de Paulo Portas e de seus companheiros de (des)governação, na parte concernente a Portugal.

Recebemos através da Internet a seguinte informação:

Alemanha deve 2,3 mil milhões de euros

a Portugal por indemnizações da I Guerra

Paulo Gaião |

8:00 Sexta feira, 12 de abril de 2013

Não é só a Grécia que tem dinheiro a receber da Alemanha por indemnizações da II Guerra Mundial.

Portugal também é credor da Alemanha por compensações financeiras da I Guerra.

O historiador Filipe Ribeiro de Meneses recorda que o Tratado de Versalhes fixou em cerca de mil milhões de marcos-ouro o valor a pagar pela Alemanha a Portugal.

Porém, “pouco deste dinheiro entrou nos cofres do Estado devido às sucessivas revisões da dívida alemã” adianta o historiador.

Este valor de mil milhões de marcos-ouro corresponderá hoje a cerca de 2,3 mil milhões de euros, o equivalente a 1,8 do PIB português (números apurados pelo jornalista do Expresso João Silvestre).

Dava para cobrir o valor do chumbo do Tribunal Constitucional às normas constitucionais do OE 2013 e ainda sobravam mil milhões de euros.

Filipe Ribeiro de Meneses relembra que as pretensões de Afonso Costa, representante português em Versalhes, em relação à Alemanha eram de 8 mil e 500 milhões de marcos-ouro, oito vezes mais que  o valor obtido, “pois a guerra tinha causado – alegadamente – a morte de 273.547 portugueses da metrópole e colónias, uma cifra que os Aliados rejeitaram por completo”.

Afonso Costa ainda recorreu à arbitragem internacional mas a Alemanha acabou por ganhar a batalha legal.

Parece evidente que Portugal apresentou números de vítimas de guerra totalmente fantasiosos (terão morrido na I Guerra Mundial entre 10 mil e 15 mil portugueses) mas os valores monetários  apurados  no Tratado de Versalhes também deverão estar áquem do que Portugal teria direito mas que como país pouco influente não teve peso para impor.

Portugal recebeu apenas 0,75 do total das compensações financeiras a serem pagas pela Alemanha, segundo refere Ribeiro de Meneses. Mais um factor que a Alemanha terá que ponderar quando chegar a altura de o nosso país renegociar o actual pacote de resgate financeiro.


Ler mais:
http://expresso.sapo.pt/alemanha-deve-23-mil-milhoes-de-euros-a-portugal-por-indemnizacoes-da-i-guerra=f799714#ixzz3Q9kIKeAb

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s