Coitado do Ruy, nem imaginava que seus pares, agentes do Direito, seriam a vergonha da Nação!

Discurso de Ruy Barbosa: “Tenho (sinto) vergonha de mim!”, 1917

Discurso – Tenho vergonha de mim

Transcrição do discurso “Vergonha”, chamado às vezes de “Sinto vergonha de mim!”, de Ruy Barbosa, no Senado, em 1914.

De tanto ver triunfar as nulidades, de tanto ver prosperar a desonra, de tanto ver crescer a injustiça, de tanto ver agigantarem-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar da virtude, a rir-se da honra, a ter vergonha de ser honesto.

De tanto ver triunfar as nulidades, de tanto ver prosperar a desonra, de tanto ver crescer a injustiça, de tanto ver agigantarem-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar da virtude, a rir-se da honra, a ter vergonha de ser honesto.

Discurso

A falta de justiça, Srs. Senadores é o grande mal da nossa terra, o mal dos males, a origem de todas as nossas infelicidades, a fonte de todo nosso descrédito, é a miséria suprema desta pobre nação.

A sua grande vergonha diante do estrangeiro, é aquilo que nos afasta os homens, os auxílios, os capitais.

A injustiça, Senhores, desanima o trabalho, a honestidade, o bem; cresta em flor os espíritos dos moços, semeia no coração das gerações que vêm nascendo a semente da podridão, habitua os homens a não acreditar senão na estrela, na fortuna, no acaso, na loteria da sorte, promove a desonestidade, promove a venalidade, promove a relaxação, insufla a cortesania, a baixeza, sob todas as suas formas.

De tanto ver triunfar as nulidades, de tanto ver prosperar a desonra, de tanto ver crescer a injustiça, de tanto ver agigantarem-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar da virtude, a rir-se da honra, a ter vergonha de ser honesto.

Essa foi a obra da República nos últimos anos. No outro regime (na Monarquia), o homem que tinha certa nódoa em sua vida era um homem perdido para todo o sempre, as carreiras políticas lhe estavam fechadas.

Havia uma sentinela vigilante, de cuja severidade todos se temiam e que, acesa no alto (o Imperador, graças principalmente a deter o Poder Moderador), guardava a redondeza, como um farol que não se apaga, em proveito da honra, da justiça e da moralidade.

Anúncios

Votorantim de Sobral volta a atacar na madrugada deste sábado

Sábado, 26 de agosto, fábrica de Cimento Votorantim de Sobral volta a atacar

Tarcisio Praciano Pereira

No dia 26 de agosto, 03:10, no meio da madrugada, covardemente, com a cidade coberta com a penumbra da noite e quando os habitantes descançavam para o Sábado, a Fábrica de cimento da Votorantim, em Sobral voltou a atacar os pulmões dos habitantes da cidade de Sobral jogando espessa fumaça, em quantidade muito grande que o vento ajudava a espalhar sobre parte da cidade.

Como sempre as autoridades municipais assim como as autoridades estaduais do meio ambiente tem conhecimento claro deste atentado à saúde da população. É preciso não se esquecer dito nas próximas eleições municipais. Nós elegemos os administradores com a esperança de que eles estejam do nosso lado em defesa da nossa saúde e do nosso bem estar o que esta longe de acontecer no tocante à Fábrica de cimento da Votorantim em Sobral.

Repetindo:

1. Quando: Sábado, dia 26 de agosto.
2. Em que hora: 03:10 quando fiz a observação e não sei por quanto tempo durou o ataque.
3. Onde: em Sobral na zona norte do Estado do Ceará
4. Quem: quem nos ataca é a Fábrica de cimentos da Votorantim em Sobral
5. O que? Uma fumaça espessa, em grande quantidade jogada pela chaminé se espalhando sobre a cidade na madrugada.
6. Quem permite: o governo municipal de Sobral, e a secretaria de meio ambiente do Estado do Ceará

Os riscos da poluição

Uxbridge, Canada – A poluição, e não as doenças endêmicas comuns, é o maior fator de mortandade no mundo. A poluição já é responsável pela morte de 8.4 milhões de pessoas cada ano, é o que mostra uma nova análise. Desta forma a poluição mata três vezes mais do a malária e 14 vezes mais do do HIV/AID. Apesar disto a poluição recebe uma fração despresível do interesse geral da comunidade global.

http://truth-out.org/news/item/24363-in-developing-world-pollution-kills-more-than-disease


Quem nos ataca:
A fábrica de Cimento, Cimento Votorantim Sobral é quem ataca a nossa saúde.
Cúmplices: autoridades municipais, autoridades estaduais do meio ambiente, não esquecer disto nas eleições,

Você talvez não lembre, mas em junho, os deputados estaduais aprovaram em primeira votação um projeto de lei absurdo, que favorece as igrejas e templos no Estado do Rio.

Pelo PL 3021/14, essas instituições vão furar fila e terão prioridade em processos judiciais e/ou administrativos (pedido de alvará, licenciamento, etc.).

Naquele momento, o projeto foi aprovado na surdina, sem alarde e discussão e apenas 9 deputados votaram contra.

Agora, o projeto está de volta na pauta da Alerj para a segunda e última votação e é nosso dever fazer muito barulho para que ele seja rejeitado.

Compartilhe o post abaixo nas suas redes e marque pelo menos 5 pessoas.

Se cada um de nós fizer sua missão, os deputados ficarão constrangidos e não terão coragem de aprovar esse projeto.

AgoraFuraFilaHein

Pois é, agora, caridosamente, vem para furar a fila, hein!

É a negação da caridade, hahahaha!

Pois é, em 2015, o deputado evangélico Fábio Silva (PMDB) tentou aprovar uma lei que multava quem fizesse sátiras religiosas. Conseguimos, naquela época, reunir milhares de cidadãos e humoristas que se organizaram contra o projeto e enterramos a censura. Agora, o mesmo deputado, fiel aliado de Eduardo Cunha, tenta aprovar uma lei ainda mais absurda: ele quer que as igrejas tenham prioridade em procedimentos administrativos ou judiciais no Estado do Rio. Hoje, essa regra vale apenas para idosos e/ou pessoas com deficiência.

Ou seja, se você entrar com um pedido de alvará e uma igreja qualquer também, o processo dela será julgado na frente. Se você estiver aguardando uma sentença judicial e uma igreja também, o julgamento dela será na sua frente.

O projeto foi aprovado em primeira votação no dia 13 de junho, e deve voltar ao plenário para a segunda votação na próxima semana!
Estado é laico e os cidadãos é que devem vir primeiro

Precisamos agir rápido e encher a caixa de mensagens dos deputados estaduais exigindo que o projeto seja derrubado. Não podemos permitir que igrejas conquistem mais esse benefício! O Estado é laico e deve continuar sendo!

E depois estes trolhas que se dizem religiosos, defendem a lista dos 10 mandamentos onde se encontra “amar o próximo como a si mesmo” e até tem uma passagem do evangelho se referindo a este mandamento como tão importante quanto o primeiro.

Como querer passar na frente sem desrespeitar o “amor ao próximo”? hahahahaha! É poristo que detesto religiosos!

Tudo isto foi para a privada, hahahaha!

Recebi uma ligação, hoje, deste número, (62)3240-3990, se identificando como da OÍ e queria confirmar endereço. Respondi porque tive um problema com entrega de fatura que foi enviada para Salvador, Bahia, quando moro no Ceará. Mas desconfiei porque queriam um ponto de referência de minha residência, o que é extranho porque a fatura vem pelos Correios e os carteiros sabem como encontrar os endereços – não precisam de pontos de referência.

Resumo, a desordem das telecomunicações gerenciadas nacionalmente sem existir mais lojas locais, se perdeu o sentido da conectividade com a região. Depois a privatização criou um jogo sujo econômico dentro daquilo que deveria ser um serviço e agora é um “produto” de várias empresas que inclusive concorrem no uso do “produto” criando uma deslealdade econômica no uso dum serviço que deveria fazer parte da infra-estrutura de apoio ao funcionamento da sociedade.

Privatização de serviço público somente dá em coisa ruim, como a privatização do STF, STJ, Congresso, judiciário, comunicações, energia elétrica, água, Previdência, Atendimento Médico, Ensino e o golpe no governo do Brasil!

Tudo isto foi para a privada, hahahaha!

Se você precisa dos ônibus, então não durma no ponto!

Se você precisa dos ônibus, então não durma no ponto! Venha participar da pressão contra a máfia dos transporte coletivo.

No dia 3 de julho, a Polícia Federal prendeu o empresário Jacob Barata Filho (herdeiro do “rei dos ônibus” no Rio), o presidente da Fetranspor, Lélis Teixeira, e outros membros da alta cúpula de transportes do estado. Eles são acusados de pagarem propina no valor de R$ 260 milhões a vários políticos fluminenses.

Com isso, os deputados de oposição finalmente conseguiram assinaturas suficientes para abrir uma CPI na Alerj e investigar a máfia dos ônibus no Rio. Mas, aos 45 do segundo tempo e numa manobra ilegal, seis deputados (Jânio Mendes, Luiz Martins e Zaqueu Teixeira, do PDT, e Jorge Felippe Neto, Marcia Jeovani e Milton Rangel, do DEM) retiraram as assinaturas e impediram que a comissão fosse instalada.

Precisamos de 24 assinaturas para tirar a CPI do papel. Com o recuo, temos 21. Ou seja, basta que 3 dos 6 fujões sejam convencidos a assinar novamente o requerimento para que as investigações comecem. Se a Fetranspor pressiona de um lado, nós pressionamos do outro. Os ônibus tem dinheiro; a população, o voto. E, ano que vem, todos serão candidatos e terão que prestar contas ao eleitor.

Por isso, vamos enviar uma enxurrada de emails de pressão aos seis deputados exigindo que assinem novamente da CPI da Fetranspor. A caixa-preta dos ônibus precisa ser aberta!

​Pressione agora os seis deputados a voltarem atrás e recolocarem as assinaturas!​
Se você precisa dos ônibus então não durma no ponto! Venha participar da luta contra a máfia dos transporte coletivo.