Para que servem os militares?

Thousands of Rohingya women fleeing persecution in Myanmar are survivors of sexual violence at the hands of soldiers.

Rohima*, pictured above, is one of them. “I couldn’t escape by myself,” she says. “Approximately 5 or 6 of them [the military] came and raped me.”

Rohima, que aparece na figura, é uma das mulheres, milhares de mulheres da nação Rohingya que está sob perseguição na Républica de Myanmar. As mulheres são estupradas pelos soldados.

Rohima and other Rohingya women deserve justice. Call on the Australian Government to hold Myanmar’s military to account for sexual violence and other crimes against humanity.

Na verdade que para que servem militares? A lista pode ser longa para alguns itens da lista são

  1. dar golpes contra a população em apoio aos interesses dos industriais e dos sistema financeiro.
  2. fazer guerras que são grandes negócios para o sistema financeiro e para algumas indústrias, esses que produzem armas.
  3. quando se colocam a serviço de ditaduras, servem para perseguir aqueles que as ditaduras definem como seus inimigos
  4. absolutamente não tem pátria ou sabem o que é patriotismo, estão sempre a serviço do poder que emana do sistema financeiro.

Foi assim no Coreia, na China no Vietnam e no Laos durante e depois da chamada “segunda guerra mundial”. Os militares invasores trucidaram as mulheres que eram vítimas duma caça de animais fardados. É assim na ilha de Okinava que se encontra sob invasão de militares norte americanos. Foi assim na ditadura de 1º de abril de 1964 no Brasil.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.