Três anos de impunidade que estimulam os criminosos a seguir matando

Na sexta-feira, fomos até o Palácio Guanabara, no Rio de Janeiro, no Ministério Público do Estado do Rio e em outros lugares marcantes na luta por justiça pela morte de Marielle e Anderson. Não fomos sozinhos! Pessoas da Argentina, Chile, México, Marrocos, Angola, Zimbábue, Suécia, Irlanda, Taiwan, Mongólia, Nova Zelândia…. Gente do Brasil inteiro esteve com a gente! Nossas vozes ecoaram pelas ruas cariocas. Nossa mobilização nacional e internacional gerou reações e conseguimos, finalmente, um encontro entre as famílias de Marielle e Anderson e o governador em exercício do Rio de Janeiro e o Procurador Geral da Ministério Público do Rio de Janeiro.  

Saber quem mandou matar Marielle e a motivação do crime é um passo essencial para que o Estado demonstre que violações e ataques contra defensoras e defensores não são toleráveis e serão punidos. Combater a impunidade é importante para assegurar proteção e justiça para as centenas de defensoras de direitos humanos que colocam em risco suas vidas para que nós e nossas futuras gerações possamos viver em um mundo mais digno.  
Marielle é uma dessas mulheres. Marielle é um pouco dessas mulheres, e essas mulheres são um pouco Marielle. Eu sou porque nós somos!
Neste dia 14 de março, dia em que se completam TRÊS ANOS desde que a vida de Marielle Franco foi brutalmente interrompida, vamos reafirmar a importância do seu legado e da vida de tantas mulheres que lutam, corajosamente, por um mundo melhor.  

Clique no vídeo abaixo, inspire-se e compartilhe nas suas redes com a hashtag #EuDefendoAsDefensoras. 

http://go.pardot.com/e/604981/p-CMZmj7rA5fi-/41xpw/188559606?h=creG4ADTU_rH_9GtY5FOvoIY76kTSH7YVMHycWV1BR0

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.